Apoios:

Regresso ao pó!

Domingo,04setembro2016
Passeamos no nosso quintal
Pouco passava das 08:00 quando os treze Moukistas deram início ao passeio deste domingo. Já se nota que as férias estão a terminar para alguns de nós, o início de atividade ciclística está progressivamente de regresso ao grupo do Clube MoucaBTT. As altas temperaturas que se têm feito sentir fazem com que o grupo seja comedido nas saídas, as voltas têm que ser traçadas ponderadamente sem exageros de quilómetros. Foi motivo suficiente, o calor e a pouca forma de alguns de nós, para que pedalasse-mos no nosso quintal, serra da Carregueira e serra de Belas. Saímos em direção ao bairro da Anta e pouco depois estávamos a entrar na Carregueira, a escolha dos trilhos e exploração dos mesmos é metódica e, quando assim é conseguimos fazer bastantes km num espaço relativamente pequeno, mas de apurada técnica! Volta e meia tínhamos que parar e reagrupar, o entendimento começava a fazer-se sentir, e com fluidez progredíamos nos trilhos entupidos de silvas e tojos que iam fazendo as delícias dos mais distintos masoquistas… vira à direita, vira à esquerda, sobe, desce. O calor cada vez mais apertava, havia pessoal já com falta de água! Havia que procurar uma torneira, mas cada vez mais torneiras
nos locais públicos é uma miragem! Parámos para fazer o lanche matinal no jardim de Belas próximo do cemitério, após hidratação e abastecimento de água, continuamos a pedalação serra acima até alcançarmos o marco geodésico da serra de Belas, propositadamente fizemos uma breve paragem para a foto do grupo, descemos a todo o gaz até à figueira, subimos o trilho do golf, bordeamos parte do Belas Club, descemos para Vale de Lobos, rolamos em alcatrão e passamos pelo Telhal, Meleças, Mira Sintra e Agualva. Com o conta-quilómetros nos 35km e próximo do meio-dia terminamos o passeio domingueiro sentado numa esplanada a refrescarmo-nos com o tradicional sumo de cevada e uma degustação de rodelas de chouriço. Dadas as circunstancias e para reinício de época foi um passeio de bom-nível. Abraço.
“O Moukista sentado”
 

Sem comentários: